RSS

Arquivo diário: 23/06/2009

EDUCAÇÃO !!!

Niver6Maria6Tudo muda o tempo todo no mundo, e a educação mudou, em alguns aspectos para melhor, as crianças começaram a estudar mais cedo, as novas tecnologias, o novos métodos de ensino, o acesso a internet trouxeram diversos benefícios a educação. Mas também piorou bastante no que diz respeito a disciplina, comportamento, respeito aos professores e educadores, e a situação fica mais crítica no ensino público. Penso que o principal motivo seja a relação familiar, muitos pais hoje não conseguem acompanhar o desenvolvimento dos filhos na escola por terem que trabalhar muitas horas e em muitos lugares durante o dia para garantir um sustento aos seus pares , também tem aqueles que não querem nem saber dos filhos e outros que acham a educação ser de responsabilidade exclusiva da escola e todos nós sabemos que não é bem assim. Se por um lado os pais não conseguem ou não querem educar seus filhos do outro a escola que sozinha não consegue fazer milagres. Mas a questão que levanto é a seguinte : é bom começar cedo ? Primeiro gostaria de exclarecer que o cedo aqui é o maternal . Então primeiro vou falar dos meus filhos mais velhos hoje com 28 anos universitário e minha filha de 25 formada. Ambos não começaram tão cedo lembro-me que até tentei colocar o primeiro no jardim de infância, mas no segundo semestre por falta de adaptação dele e experiência minha tirei ele da escola porque ele demonstrava insatisfação, chegando inclusive alegar embora eu não acredite que a professora batia nele, na verdade ele estava querendo sair da escola e tentou usar isso para ver se conseguia, conseguiu mas não foi por esse motivo e sim porque pensei que ele era muito novinho para frequentar a escola e deixamos para o ano seguinte. Já com a segunda nem tentamos coloca-la muito cedo quando começou a frequentar a escola já foi para o pré-primário e no ano seguinte se alfabetizou. Até aí tudo bem, continuaram estudando, crescendo, acompanhei o desenvolvimento, as reações e desenvoltura deles. Sempre me preocupei muito com a educação deles, penso que não devemos criar filhos e sim educa-los, talvez porque ” criava cães ” e percebia que existe uma grande diferença entre criar e educar, para mim funcionou uma está formada e o outro na universidade. Agora depois de 18 anos veio a caçulinha e confesso que estou assustado com tudo que estou vivenciando, ela é muito mais esperta, criativa, desenvolvida e até mais teimosa que os irmãos. Faço-me muitas perguntas por que com ela é dessa maneira, por que tenho mais dificuldade de educa-la, por que ela me questiona tanto, quer saber de tudo, não aceita um ” não ” como resposta e já vem logo com a pergunta que odeio ” por que não ” , odeio porque muitas vezes não sei responder. Sei que as novas tecnologias, a televisão, a internet tudo isso contribuiu e contribui para que isso aconteça. Mas tem uma coisa que me deixa muito angustiado por não saber se fiz e faço a coisa certa mas que fez toda a diferença foi o fato dela ter ido para a escola muito cedo, na verdade nem era escola era um berçário , depois veio o maternalzinho, jardim de infância, pré-escola, alfabetização … houve outras mudanças e hoje ela está com 6 anos no segundo ano. Soube de uma pesquisa feita nos Estados Unidos sobre esse assunto de mandar os filhos para a escola muito cedo e as conclusões de certa forma me aliviaram muito. Pois segundo os pesquisadores o resultado da pesquisa foi que : ingressar na escola muito cedo além de não ser prejudicial as crianças, costuma ser positivo no aprendizado a longo prazo. O estudo demonstrou que as crianças que ficavam em casa até os 5 anos com babás, avós ou a propria mãe tinham o rendimento menor que as frequentaram a escola desde cedo, que se sairam melhor em todas as disciplinas e tiveram um desempenho maior. Para mim ficou claro diante do que tenho vivido que o fato da minha filha caçula ter ido para a escola muito cedo vai contribuir muito para o sucesso dela nos estudos no futuro. Outro dado valioso da pesquisa é que as crianças que foram muito cedo para a escola antes dos 3 anos, o que pesa mais no desenvolvimento intelectual delas é o afeto e a atenção individual não importando se vem da escola ou não. Mas que a partir dos 3 anos a escola passa a ser mais proveitosa. O mais importante é que nós pais fiquemos atentos para as mudanças e que não adianta se assustar que nesse mundo globalizados as crianças de hoje não são mais como as de antigamente . Mas também são graciosas, belas, sensíveis e acima de tudo são : Crianças !!!

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23/06/2009 em Vivendo e Aprendendo

 

DESIDERATA

ehrmann

Siga tranqüilamente entre a inquietude e a pressa, lembrando-se de que há sempre paz no silêncio. Tanto quanto possível sem humilhar-se, mantenha-se em harmonia com todos que o cercam. Fale a sua verdade, clara e mansamente.
Escute a verdade dos outros, pois eles também têm a sua própria história. Evite as pessoas agitadas e agressivas: elas afligem o nosso espírito. Não se compare aos demais, olhando as pessoas como superiores ou inferiores a você: isso o tornaria superficial e amargo. Viva intensamente os seus ideais e o que você já conseguiu realizar. Mantenha o interesse no seu trabalho, por mais humilde que seja, ele é um verdadeiro tesouro na contínua mudança dos tempos. Seja prudente em tudo o que fizer, porque o mundo está cheio de armadilhas. Mas não fique cego para o bem que sempre existe. Em toda parte, a vida está cheia de heroísmo. Seja você mesmo. Sobretudo, não simule afeição e não transforme o amor numa brincadeira, pois, no meio de tanta aridez, ele é perene como a relva. Aceite, com carinho, o conselho dos mais velhos e seja compreensivo com os impulsos inovadores da juventude. Cultive a força do espírito e você estará preparado para enfrentar as surpresas da sorte adversa. Não se desespere com perigos imaginários: muitos temores têm sua origem no cansaço e na solidão. Ao lado de uma sadia disciplina conserve, para consigo mesmo, uma imensa bondade. Você é filho do universo, irmão das estrelas e árvores, você merece estar aqui e, mesmo se você não pode perceber, a terra e o universo vão cumprindo o seu destino. Portanto, esteja em paz com Deus, qualquer que seja sua forma de concebê-lo. E sejam quais forem sua lida e suas aspirações, na barulhenta confusão da vida, conserve, no mais profundo do seu ser, a harmonia e a paz.
Com todos os enganos, penas e sonhos desfeitos, este é ainda um mundo maravilhoso. Caminhe com cuidado, faça tudo para ser feliz e partilhe com os outros a sua felicidade.
(Desiderata – do Latim Desideratu: Aquilo que se deseja, aspiração. Autoria: Max Ehrmann ( foto ))

 

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23/06/2009 em Geral

 

Responsabilidade Social !

O que é responsabilidade social e ambiental das empresas.

O que move a economia de uma cidade, um estado e um país são as empresas, que geram empregos na industria, no comércio e nos serviços. Diante do desenvolvimento e das inovações tecnológicas vem junto o compromisso social e ambiental. Para que uma empresa se torne resposável social e ambientalmente deve ter a capacidade de se relacionar bem com as comunidades escutando seus interêsses, mantendo uma postura correta e principalmente respeitando as suas necessidades, deve ainda exigir dos seus fornecedores que sejam solidários e que forneçam produtos com qualidade e ética. Quando os consumidores reconhece esse valores nas empresas elas alcaçam o sucesso com mais solidez e facilidade. Mais de 70% da população prefere marcas e produtos que estejam engajados em ações sociais e ambientais. Ainda são poucas as empresas que recebem certificação ISO 14001, pois não é fácil crescer economicamente sem se descuidar do bem estar social e preservação do meio ambiente. Segundo pesquisas muitas empresas tentam todos os anos alcançar o Índice Dow Jones Mundial de Sustentabilidade ( DJSI ) a Petrobrás é uma das que conseguiram. Além da estatal do petróleo, podemos também citar outras empresas que atuam com responsabilidade social no Brasil são elas : Vale do Rio Doce, Natura, Nestlé, Coca-Cola, Rede Globo, Azaléia, Ambev, Unilever entre outras. Para ter responsabilidade social não basta criar ONGs e dar apoio a projetos sociais é preciso que as empresas tenha um projeto de Gestão Ambiental, junto com a responsabilidade social causando dessa forma um entrosamento da empresa o engajamento de seus colaboradores, dos fornecedores e da própria sociedade. Ser resposável ambientamente e socialmente requer das empresas muitas obrigações : pagar seus impostos, respeitar seus funcionários e as leis, cuidar da segurança e da saúde de todos trabalhadores e da comunidade. Agindo dessa forma podemos dizer que as empresas estão agindo com responsabilidade tanto social como ambiental.

 

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23/06/2009 em Terra Viva.

 

SAIU NO PORTAL TERRA !!!

Quarta, 20 de maio de 2009, 17h33

vc repórter: grupo de jovens ajuda moradores de rua na Bahia

Um grupo composto por jovens universitários, donas de casa e trabalhadores de Salvador (BA) se uniram para ajudar moradores de rua com o que está ao alcance de todos: um lanche, um agasalho, um aperto de mão ou uma breve conversa. Com o lema “sabemos que não mudaremos o mundo, mas já estamos fazendo a nossa parte”, criaram o Faça a sua Parte, um movimento que auxilia pessoas com donativos. 

Liderado pelos irmãos Monique e Alex Beck, o projeto teve início em janeiro deste ano e até agora realizou nove encontros, que é como eles denominam as reuniões para a distribuição dos artigos arrecadados. O processo é simples. Cada uma das pessoas que sai às ruas para a entrega colabora com uma quantia que vai de R$ 1 a R$ 10. Esse dinheiro é usado para a compra de 200 pães e sucos. Eles também preparam as bebidas e os sanduíches com manteiga e frios. As roupas são recolhidas em doações. Segundo Monique, o grupo acredita que o valor seja suficiente, já que o gasto gira em torno de R$ 80 a R$ 100 por noite. Algumas pessoas que não podem participar enviam sua contribuição em dinheiro ou em artigos. Mas há restrições, já que os moradores não têm como preparar alimentos e a intenção é distribuir a comida pronta. Outra prioridade é manter o contato cara a cara e entregar os donativos em mãos. “Desta forma, sabemos que pelo menos naquela noite a pessoa vai dormir alimentada”, diz Monique. O trabalho só acaba quando as doações terminam. “Sabemos que não conseguimos ajudar muito, tanto que o nome é esse”, explica a jovem, formada em comunicação social. No início, eram apenas sete pessoas. Hoje são cerca de dez integrantes que venceram o receio de circular à noite pela cidade e se aproximar dos moradores. “Acreditamos que estamos fazendo o bem, então não deve acontecer nada”. Com blog e comunidade no Orkut, o grupo pretende crescer ainda mais. O próximo passo, segundo ela, é transformar o projeto em uma ONG.» vc repórter: mande fotos e notícias

O internauta Fbeck, de Ribeirão Preto (SP), participou do vc repórter, canal de jornalismo participativo do Terra. Se você também quiser mandar fotos, textos ou vídeos,

vc repórter 

clique aqui.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23/06/2009 em Geral

 

VOCÊ SABIA ?

A maioria das pessoas sabe que a Vitamina C é muito importante para a prevenção e manutençao da saúde muitos fazem uso diário dela, entre a suas funções melhora absorção do ferro, aumenta a imunidade, é anti-hemorrágica, ajuda no combate a gripe e resfriados, sabemos também a maioria das fontes dessa preciosa vitamina, entre elas podemos citar : limão, laranja, acerola, tangerina etc…. Mas o que a maioria das pessoas não sabe é que a goiaba é uma excelente fonte de vitamina C, superando inclusive o limão, além do mais ela é mais saborosa. Segundo a Organização Mundial de saúde – OMS a dose diária é de 60mg/dia, para se obter essa dosagem basta um copo de goiaba. Todos sabem ou já ouviram falar que o café da manhã deve ser a nossa principal refeição, mas se você enriquecer com leite e cereais antes de ir para a escola ou o trabalho pode melhorar o aprendizado ou o seu desempenho. Uma prova disso é que tanto os alunos bem como os trabalhadores que se alimentam corretamente antes de iniciar suas atividades têm um desempenho maior do que os que não alimentam corretamente. Uma boa dica são as barrinhas de cereais !!! Um dos maiores problemas de saúde pública do mundo é a hipertensão arterial ou como é mais conhecida ” pressão alta “. Só no Brasil estima-se que mais de 20 milhões de brasileiros são hipertensos. Muito nociva a hipertensão arterial, também conhecida como a ” assassina silenciosa ” pois ela muitas vezes não apresenta nenhum sintoma, quando instalada acarreta diversos danos ao coração, rins, cerébro e vasos periféricos. Voce pode combater a hipertensão adotando uma dieta rica em verduras e frutas e diminuindo ou evitando as gorduras. Com essa atitude você pode diminuir ou até evitar o uso de remédios. Mas consulte sempre seu médico antes de tomar qualquer atitude. O tomate é um santo ” remédio ” ou melhor um excelente alimento, rico em licopeno uma substância que além de previnir o câncer de próstata o mais comum entre os homens, previne também contra o de pâncreas, pulmão e cólon é depurativo do sangue, auxilia no tratamento de gota, reumatismo, prisaõ de ventre e infecções em geral e são anticoagulantes. Mas muito cuidado na hora de ingerir, devemos lavá-lo em bastante água corrente para eliminar o excesso de agrotóxicos. Coma bastante tomate , seja in natura, molhos e catchup.

 

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23/06/2009 em Comer Bem.

 

RECEITAS !

FEIJÃO BRANCO COM LEGUMES E CARNE 

Ingredientes:

1 xícara (chá) de feijão branco
300 g de músculo num só pedaço
2 folhas de louro
1 colher (sopa) de azeite de oliva
1 bulbo médio de erva-doce picado
1 cebola média picada
1 pimentão vermelho médio picado
sal e pimenta-do-reino branca moída a gosto

Modo de Preparo:

Escolha o feijão, lave e coloque-o numa tigela com 1 litro de água. Deixe de molho de um dia para o outro. No dia seguinte, cozinhe a carne por 45 minutos numa panela de pressão com 1 litro de água até ficar macia. Retire do fogo, elimine a pressão da panela, abra-a e junte o feijão (somente os grãos) e as folhas de louro. Feche a panela, volte ao fogo e deixe cozinhar por mais 20 minutos, ou até o feijão ficar macio. Retire do fogo, elimine a pressão e abra a panela. Separe a carne, desfie com um garfo e reserve. Leve ao fogo outra panela com o azeite de oliva, a erva-doce, a cebola e o pimentão. Refogue até a cebola ficar macia. Adicione a carne e o feijão com o caldo da panela de pressão. Tempere com sal e pimenta-do-reino e volte ao fogo. Cozinhe por mais 10 minutos, retire do fogo e sirva quente.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23/06/2009 em Receitas.

 

AIDS !!!

A síndrome da imunodeficiência adquirida (aids) é a manifestação clínica (manifestação de sinais, sintomas e/ou resultados laboratoriais que indiquem deficiência imunológica) da infecção pelo vírus HIV que leva, em média, oito anos para se manifestar. No Brasil, desde a identificação do primeiro caso de aids, em 1980, até junho de 2007, já foram identificados cerca de 474 mil casos da doença. Até metade da década de 90, as taxas de incidência – número de casos novos de aids dividido pela população – foram crescentes, chegando a alcançar, em 1998, cerca de 19 casos de aids por 100 mil habitantes. Do total de casos, cerca de 80% estavam concentrados nas regiões Sudeste e Sul. Contudo, apesar das altas taxas de incidência e de serem as regiões mais atingidas desde o início da epidemia, o Sudeste e o Sul são as regiões que seguem em um processo de estabilização, ainda que lento, desde 1998, seguidos, mais recentemente pela região Centro-Oeste. Para as demais regiões, Norte e Nordeste, mantém-se a tendência de crescimento nas taxas de incidência. No Brasil, a aids tem se configurado como sub-epidemia, tendo atingido, de forma bastante intensa, os usuários de drogas injetáveis (UDI) e gays e outros homens que fazem sexo com homens (HSH) e, no início da década de 80, os indivíduos que receberam transfusão de sangue e hemoderivados (hemácias, plasma, plaquetas, etc). Mais recentemente, a taxa de incidência de aids mantém-se, ainda, em patamares elevados – em 19,5 casos por 100 mil habitantes – basicamente devido à persistência da tendência de crescimento entre as mulheres. Apresentou declínio em menores de 5 anos e no sexo masculino, com redução das taxas de incidência nas faixas etárias de 13 a 29 anos e crescimento nas faixas posteriores, principalmente a partir de 40 anos. Observou-se, também, para o sexo masculino, estabilidade na proporção de casos devido à transmissão homo/bissexual, aumento proporcional da heterossexual e redução importante e persistente dos casos em usuários de drogas injetáveis. Entre as mulheres, observa-se, após 1998, a tendência à estabilidade entre aquelas na faixa de 13 a 24 anos, com crescimento persistente em praticamente todas as outras faixas etárias. O país acumulou cerca de 192 mil óbitos devido à aids até junho de 2006, sendo as taxas de mortalidade crescentes até meados da década de 90, estabilizando em cerca de 11 mil óbitos anuais desde 1998. Após a introdução da política de acesso universal ao tratamento anti-retroviral (ARV), que combina drogas com diferentes formas de ação (HAART), observou-se uma importante queda na mortalidade. A partir do ano 2000, essa taxa se estabilizou em cerca de 6,4 óbitos por 100 mil habitantes, sendo esta estabilização mais evidente em São Paulo e no Distrito Federal. Nota-se, também, o crescimento persistente da proporção de óbitos por aids nas categorias de raça/cor “preta” e “parda”, em ambos os sexos, entre 1998 e 2004 (Tabela XIV do Boletim Epidemiológico Aids DST 2007), expondo a ineqüidade no acesso aos serviços de saúde para diagnóstico e tratamento precoces das populações menos favorecidas socioeconomicamente. A notificação de casos de aids é obrigatória, desde 1986, a médicos e outros profissionais de saúde no exercício da profissão, bem como aos responsáveis por organizações e estabelecimentos públicos e particulares de saúde em conformidade com a lei e recomendações do Ministério da Saúde. A aids é uma doença que se manifesta após a infecção do organismo humano pelo Vírus da Imunodeficiência Humana, mais conhecido como HIV. Esta sigla é proveniente do inglês – Human Immunodeficiency Virus. Também do inglês deriva a sigla AIDS, Acquired Immune Deficiency Syndrome, que em português quer dizer Síndrome da Imunodeficiência Adquirida. Síndrome Grupo de sinais e sintomas que, uma vez considerados em conjunto, caracterizam uma doença. Imunodeficiência Inabilidade do sistema de defesa do organismo humano para se proteger contra microorganismos invasores, tais como: vírus, bactérias, protozoários, etc. Adquirida Não é congênita como no caso de outras imunodeficiências. A aids não é causada espontaneamente, mas por um fator externo (a infecção pelo HIV). O HIV destrói os linfócitos – células responsáveis pela defesa do nosso organismo -, tornando a pessoa vulnerável a outras infecções e doenças oportunistas, chamadas assim por surgirem nos momentos em que o sistema imunológico do indivíduo está enfraquecido. Há alguns anos, receber o diagnóstico de aids era quase uma sentença de morte. Atualmente, porém, a aids já pode ser considerada uma doença crônica. Isto significa que uma pessoa infectada pelo HIV pode viver com o vírus, por um longo período, sem apresentar nenhum sintoma ou sinal. Isso tem sido possível graças aos avanços tecnológicos e às pesquisas, que propiciam o desenvolvimento de medicamentos cada vez mais eficazes. Deve-se, também, à experiência obtida ao longo dos anos por profissionais de saúde. Todos estes fatores possibilitam aos portadores do vírus ter uma sobrevida cada vez maior e de melhor qualidade.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23/06/2009 em Amor e Sexo

 
 
%d blogueiros gostam disto: