RSS

Arquivo da categoria: Amor e Sexo

Tudo sobre amor, sexo, relacionamentos, DST e casais.

Orgasmo !!!

Orgasmo !

Um coisa eu aprendi na vida, que existem várias possibilidades de sentir e dar prazer. E que gozar é bom demais. Na cama vale tudo para se chegar lá. Desde que traga muito prazer para você e seu parceiro. Muitas mulheres tem dificuldade de ter prazer e sentir um ou vários orgasmos ( o momento em que o prazer da excitação sexual atinge o máximo de intensidade (está no dicionário Houaiss), por não se conhecer e não saber o que lhe dar realmente prazer. Existem vários caminhos para se ter uma excitação incontrolável e por fim chegar lá. As principais são as estimulações vaginais, que proporcionam o orgasmo clitoriano é mais fácil de ser alcançado ( quando o clitóris é estimulado ) e o orgasmo vaginal que é mais difícil ( quando há a penetração ). Não pretendo ensinar as mulheres e muito menos aos homens como conseguir ter orgasmo. Não existe nenhuma fórmula secreta, nenhuma receita, pois pode variar de mulher para mulher. O que posso dizer é que, tanto para conseguir ter o orgasmo clitoriano ou vaginal é preciso estímulos e que devemos começar pelo clitóris. Na verdade uma relação sexual para ser completa precisa de muitos estímulos como beijos e muita carícia. E tudo deve ser feito sem pressa, lentamente. Hoje percebo que as mulheres estão sentindo prazer e atingindo o orgasmo mas rápido que antigamente, justamente por se conhecerem, aprenderam o caminho da felicidade. Agora não importa se o orgasmo vai ser clitoriano ou vaginal, ou os dois o que importa é que sinta esse prazer maravilhoso chamado orgasmo. Então relaxe e goze !!!

 
2 Comentários

Publicado por em 04/12/2010 em Amor e Sexo

 

Quem muito espera e escolhe, nunca alcança.

Sou fã da Martha Medeiros. Leio seus artigos do blog 7×7 ( revista Época ), participo, comento e melhor ainda aprendo muito com “ as meninas “ do blog. Então recebi esse post de uma amiga lá de Salvador e achei o máximo por três motivos. Primeiro recebi de uma pessoa muito querida, segundo o texto é maravilhoso e terceiro foi a Martha que escreveu. Então resolvi publicar aqui no blog espero que gostem e que se divirtam e principalmente que aprendam que não vale a pena ficar escolhendo muito. Afinal rir é o melhor remédio, portanto sorria.

SIMPLICIDADE DE UMA MULHER MADURA . Por Martha Medeiros

Quando tinha 15 anos,esperava um dia ter um namorado… seria bom se fosse alegre e amigo…Quando tinha 18 anos, encontrei esse garoto e namoramos; ele era meu amigo, mas não tinha paixão por mim. Então percebi que precisava de um homem apaixonado, com vontade de viver, que se emocionasse…Na faculdade saía com um cara apaixonado, mas era emocional demais. Tudo era terrível, era o ‘rei dos problemas’, chorava o tempo todo e  ameaçava suicidar-se. Descobri então, que precisava de um rapaz estável. Quando tinha 25 anos encontrei um homem bem estável, sabia o que queria da vida; mas era muito chato: queria sempre as mesmas coisas dormir no mesmo lado da cama, feira no sábado e cinema no domingo. Era totalmente previsível e nunca nada o excitava. A vida tornou-se tão monótona que decidi que precisava de um homem mais excitante. Aos 30, encontrei um tudo de bom, brilhante, bonito, falante e excitante, mas não consegui acompanhá-lo. Ele ia de um lado para o outro, sem se deter em lugar nenhum. Fazia coisas impetuosas, paquerava qualquer uma e me fez sentir tão miserável, quanto feliz. No começo foi divertido e eletrizante, mas sem futuro.  Decidi buscar um homem com alguma ambição para com ele construir uma vida  segura. Procurei bastante, incansavelmente… Quando cheguei aos 35, encontrei um  homem inteligente, ambicioso e com os pés no chão. Apartamento próprio, casa na praia, carro importado, solteiro e sem rolos! Pensei logo em casar com  ele. Mas era tão ambicioso que me trocou por uma herdeira rica…Hoje, depois de tudo isso, gosto de homens com pinto duro…E só! Nada como a simplicidade. Pensem Nisso Meninas !

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23/11/2010 em Amor e Sexo

 

Mito das mulheres. Pra que serve?

Não gosto e nem acredito nos mitos que envolvem as mulheres. Não ligo a mínima para um pouco de celulite no bumbum, todas tem. Estrias, uma gordurinha localizada, cabelo com chapinha, sem chapinha, se preocupar em qual encontro vai rolar o sexo. O importante pra mim é que as coisas aconteçam naturalmente. Também não gosto de mulher muito malhada, toda definida fica horrível. Na cama também não precisa se preocupar em fazer performances mirabolantes. Tudo isso não passa de mito. Isso não quer dizer que não gosto da mulher que se cuida, gosto sim e muito. Gosto da mulher que tem corpo de mulher, corpo delicado, arredondado, macio onde eu possa pegar e sentir que é uma mulher e não musculoso ou magra demais. Gosto de mulher inteligente, bem humorada, simpática, independente, cheirosa e que tenha autoconfiança. Quanto ao sexo, se pintar um clima a química for boa, se a gente não se controlar, pode e deve sim rolar logo no primeiro encontro e pode acreditar vou adorar e não vou achar que a mulher é sem vergonha, vagabunda e nem vou difamá-la por isso. Às vez também não rola, às vezes posso brochar, ou sei lá ela não está realmente afim. Não tem problema algum, se tiver que rolar vai rolar. Para mim ela também não precisar se preocupar com as peças íntimas, deixe o fio dental para as atrizes de filme pornô. Uma lingerie preta básica já é suficiente pra me deixar deslumbrado. Gosto das mulheres que dizem o que gostam, de como gosta de ser tocada, que gostam de serem masturbada isso aumenta nosso prazer. Então deixe de lado as preocupações e os mitos, que não servem para nada e preparem-se para relaxar e gozar muitoooooooo.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 17/11/2010 em Amor e Sexo

 

Todo amor é estranho.

Não conheço uma pessoa se quer, que não tenha pelo menos uma definição para o amor. Embora todos saibam como é difícil manter um relacionamento duradouro, muitos insistem, na tentativa de encontrar ou viver um grande amor. Vocês já pensaram que esse tal do amor que une duas pessoas por toda a vida pode ser uma grande mentira. Não basta sonhar, falar, temos que viver. Mas sabendo que não existe uma fórmula para não destruí-lo. Não existe um casal que se dê bem, que nunca tenha apelado para a mentira. Mas se isso acontece é por que o amor não existe?. E qual casal que, diz que se ama, faz juras de amor e nunca competiu entre si, ficou sem se falar, com raiva ? E se hoje estamos carinhosos e amanhã não, deixamos de ser cumplíces, companheiros ou sinceros por causa disso? Entre tantas definições sobre o amor, já ouvir muitas do tipo: amar é…( todos os adjetivos utilizados nas frases são amenos, amorosos, delicados, melosos etc… ) nunca ouvir alguém dizer que amar é difícil, complicado, estranho etc… Estamos todos dopados ou com medo de admitir que o amor é estranho. Dizem que, quando amamos a nossa capacidade de julgar desaparece, mas no entanto não é verdade, continuamos a julgar. Já ouvir dizer que o amor está enraizado na existência dos seres humanos, lá no inconciente onde os opostos se atraem. Uma grande mentira, os oposto só se atraem na física. No amor se não comungamos as mesmas opiniões e gostos do parceiro nossa vida vira um inferno, mesmo sabendo que somos diferentes insistimos de alguma forma com essa teoria e prática temerosa e tenebrosa. Quantas vezes estamos insatisfeito com alguma coisa e nosso parceiro na maior satisfação. Estranho? Muito estranho, mas verdadeiro. Podemos amar infinitamente, intensamente, verdadeiramente, mas nunca com a mesma intenção e tempo. Da mesma forma que o amor pode ser o ponto de partida, e dar origem a um grande sofrimento ele pode dar sentido a vida. Estranho? Muito estranho! Todos nós passamos por isso quando pensamos que estamos ou quando estamos amando. Não tenho medo de amar, tenho medo de não me apaixonar porque não consigo amar sem paixão. Outra coisa estranha é o percentual do amor dentro de um relacionamento. Já ouvi cada asneira, que o amor é 100% sexo, que o amor 80% isso, 20% aquilo. Por isso afirmo que o amor é efemêro tanto quanto uma nuvem ou um sonho. Já ouviram falar que amar é verbo intransitivo. Amar além de tudo é arriscado, podemos nos envolver com outra pessoa e nunca mais sair. Por isso gosto da possibilidade de me unir a alguém e se um dia tiver que tomar outro rumo, ou me separar, que não deixemos marcar, feridas, ressentimentos, mágoas e sim felicidades. Nada é para sempre, nem mesmo o amor. Estranho? Mas todo amor é estranho. E como é. Pense nisso !

 
5 Comentários

Publicado por em 03/09/2010 em Amor e Sexo

 

Separação !

Uma separação é sempre triste. Você tenta, tenta, continua tentando, mas parece que não tem mais solução. A não ser cada um pegar outra estrada, tomar rumos diferentes. Coisas do tipo ” O universo todo conspira contra”, nada está bom, nada mais presta. Só o tempo vai poder resolver, nada resiste ao tempo, seja a vida, seja a dor, tudo passa. O melhor é não se despedir, é difícil mas tem que ser assim. Se puder seja rápido, dê apenas um tchau, um telefonema, mande um e-mail, carta jamais. Deselegante? Com certeza. Porém a dor parece que fica menor. Complica mesmo quando moramos juntos e temos negócios em comum. Não existe cena mais triste e marcante do que, fazer as malas, separar livros, CDs, DVDs e as fotos o que fazer? Rasgar? Guardar? Nessas horas temos que ficar só e um dois dois tem que sair. Pensa que termina aí? O pior vem depois, armários vazios, coisas em comum que se foram e se perdem, os velhos hábitos de fazer as refeições juntos, acordar e dormir juntos. E os negócios e bens em comum, como fazer com a sociedade, com as dívidas, com o trabalho, com os compromisso assumidos. E os filhos? O mais doloroso de tudo. Pois todos ficam machucados, os pais e os filhos. É muito complicado, só quem passa, já passou, ou está passando consegue avaliar. Nunca fiquei com raiva, mas sei que ficaram com muita raiva de mim. Por outro lado sempre tive grandes prejuízos financeiros, sempre abri mão de tudo que construímos juntos e na hora da retirada, levo só o necessário e não constumo olhar para trás e nem volto para buscar o que ficou. Aprendi muitas coisas com meus relacionamentos, mais ainda com as separações. Aprendi que por não sentir raiva, aumentava ainda mais a raiva da ex. , que nada é para sempre, que o bom de tudo isso ( se existe algo de bom ) é que com o tempo tudo volta ao normal, que a vida é assim a gente se encanta, desencanta, conquista, se apaixona, ama, fica feliz, casa, separa, sofre, chora mas depois volta a sorrir novamente. Sei que falando parece fácil, mas não é. E não quero mais passar por isso, se acontecer juro por Deus, vou virar monge budista lá no Tibet. Prefiro viver só, do que ter que passar por isso novamente. Mas como vou conseguir essa proeza? Só tem um jeito, que pode ser bem definido, numa frase do Neruda : ” Para que nada nos separe, que nada nos una” . Eu mereço? Ninguém merece !

 
1 comentário

Publicado por em 29/08/2010 em Amor e Sexo

 

Mulheres resolvidas !?

Escrevo esse artigo para as mulheres resolvidas e para os homens que ainda pensam que são problemáticos. As mulheres estão esperando que : o mar vire cerveja e os homens “tira gosto”, que a fonte nunca seque, e que a sua sogra nunca se chame Esperança, porque Esperança é a última que morre…. Que seus homens nunca morram viúvos, e que seus filhos tenham pais ricos e mães gostosas! Que Deus abençoe os homens bonitos, e os feios se tiver tempo… Elas ainda pedem a Deus sabedoria para entender um homem, amor para perdoá-lo e paciência pelos seus atos, porque se pedir força, elas batem neles até matá-los. E finalmente fazem um brinde : Aos homens que tem, aos que tiveram e aos que ainda vão ter. Brindam também pelos namorados que tiveram e AOS TROUXAS QUE NOS PERDERAM e aos sortudos que ainda vão nos conhecer! Que sempre sobre, que nunca falte, e que a gente dê conta de todos! Amém. Se você for homem entendeu muito bem o recado. Agora se você é mulher não esqueça que : estamos em uma época em que: “Homem dando sopa, é apenas um homem distribuindo alimento aos pobres” “Pior do que nunca achar o homem certo é viver pra sempre com o homem errado” Mais vale um cara feio com você do que dois lindos se beijando” e “Se todo homem é igual, porque vocês ficam escolhendo tanto???” Querem um príncipe encantado, porque não sabem que, o bom mesmo é lobo-mau!! Que te ouve melhor… Que te vê melhor… E ainda te come!!! Pensem nisso !

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13/08/2010 em Amor e Sexo

 

Dia do Orgasmo !

Oba ! Hoje é o Dia do Orgasmo, ou seja dia do prazer, do gozo. Mas quando não se tem orgasmo é um drama que aflige muitas mulheres. Ter prazer durante uma transa deveria ser óbvio. Mas não é bem assim que as coisas acontecem. A falta de orgasmo ( anorgasmia ) para muitas mulheres é um grande trauma, mesmo que ela goste do sexo e tenha um ótimo parceiro, não ter um orgasmo é traumatizante. Muitas mulheres não sabem que esse problema não está lá embaixo nas suas partes íntimas. Pois se a mulher for morfologicamente perfeita e ser saudável o problema é mais em cima, ou seja está localizado na cabeça. Para a mulher ter orgasmo ela precisa ter desejo e imaginar o que lhe dar prazer. Mas se ela tiver algum trauma em relação a isso, provavelmente não terá orgasmo. Tem muitas mulheres que não atingem o orgasmo só com a penetração, ela precisa ter o seu clitóris estimulado com as mãos na hora da penetração, tem outras que preferem só com as mãos, tem umas que embora seja mais difícil tem só com a penetração e as vezes só imaginando. Mas tem muitas que não conseguem de nenhuma maneira. Penso que todas as mulheres podem ter orgasmo. O orgasmo é um fenômeno que envolve o lado psicológico, emocional e fisíco. O toque, a carícia os beijos são fundamentais mas sozinho, eles não são capazes de levar a mulher ao orgasmo. Elas precisam saber que é a fantasia, o desejo, a imaginação e principalmente a entrega, é que fazem com que elas cheguem ao orgasmo. Para que isso aconteça ela tem que mudar seu perfil sexual, conversar com seu parceiro, se conhecer, quebrar todos os tabus e desejar ter prazer. Pelo que sei não existe nehum medicamento capaz de fazer isso, existe sim medicamentos para problemas de ereção e não para falta de desejo. Pelo que sei nunca vi remédio fazer alguém ter desejo pelo outro, a não ser que exista algum problema hormonal e esteja diminuindo a libido, mas isso é minoria. Desejo é vontade e vontade é instinto. A minha mulher me disse que o sexo para ela começa, na hora do nosso café da manhã, quando lhe dou bom dia. E tudo que ocorre durante o dia vai fazer toda a diferença à noite na hora do sexo. Nós não enxergamos o sexo como uma obrigação, temos que ter vontade de fazer e principalmente somos íntimos o bastante para falarmos do que gostamos. Vamos comemorar o Dia do Orgasmo, gozando.

 
1 comentário

Publicado por em 31/07/2010 em Amor e Sexo

 
 
%d blogueiros gostam disto: