RSS

Arquivo da categoria: CLIPPING

Principais notícias veiculadas pela mídias.

A internet pode contribuir para uma epidemia.

Vejam é assustador, uma ferramenta que deveria nos manter conectado com que acontece no mundo, trocar correspondência ( e-mail ), porporcionar bem estar, informação, entretenimento, contatos comerciais, profissionais e sociais está sob suspeita do  neurocientista Michael Merzenich (foto), ele diz que no futuro a web nos causará um grande mal, afetando a nossa senilidade. Veja a matéria completa aqui  via A internet pode contribuir para uma epidemia futura de senilidade, diz neurocientista.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 28/07/2010 em CLIPPING

 

Rubinho quebra jejum de cinco anos…

rubinho23/08/2009 – 10h39

Rubinho quebra jejum de cinco anos, vence em Valência e conquista centésima vitória do Brasil na F-1

André Medeiros
Especial para o BOL

Após cinco anos, Rubens Barrichello (foto Davi Cardona) voltou ao topo do pódio na Fórmula 1. O brasileiro venceu o Grande Prêmio de Valência neste domingo (23) e mostrou que ainda está vivo na luta pelo título do campeonato de 2009. Hamilton foi o segundo colocado e Raikönnen completou o pódio. A última vitória de Barrichello na Fórmula 1 havia sido em 2004, no GP da China, quando ainda pilotava pela Ferrari. Foi a décima vitória da carreira do piloto e a centésima do Brasil na história da Fórmula 1. Hamilton não teve dificuldades para manter na largada a pole position que conseguiu no treino oficial do sábado. Assim como seu companheiro de McLaren, Heikki Kovalainen permaneceu na segunda posição, com Rubens Barrichello em terceiro, seguido por Raikönnen, da Ferrari, que foi o piloto a ganhar mais posições dos oito primeiros na volta inicial -largou em sexto. Na disputa direta pelo título do Mundial, Jenson Button, que saiu em quinto no grid, perdeu três posições, caindo para oitavo. No decorrer das voltas, o inglês, líder do campeonato até o momento, teve de dar posição a Mark Webber, por ter cortado a chicane ainda na primeira volta da prova. A oitava posição de Webber e a nona de Button era de suma importância para Rubinho, que em terceiro, reduzia a vantagem para os dois primeiros colocados do campeonato. Único brasileiro da pista (com a demissão de Piquet, da Renault, e com a ausência de Massa, em recuperação de um acidente que sofreu na Hungria), o piloto da Brawn se manteve perto de Kovalainen para tentar ganhar a posição do finlandês nos boxes. Hamilton foi o primeiro a parar para o reabastecimento. Kovalainen foi para os boxes na volta seguinte. Mais pesado, Barrichello permaneceu por mais três voltas na pista, virou rápido e fez valer a estratégia, conseguindo galgar ao segundo lugar. Após a primeira rodada de pit stops, Hamilton e Barrichello passaram a brigar diretamente pela vitória, enquanto os demais pilotos queriam somar o maior número de pontos possível. Um deles era o espanhol Fernando Alonso, que corria em casa, mas não passou de um sexto lugar. Atrás de Alonso, Button ainda conseguiu terminar em sétimo e somar dois pontos. Já Webber foi o nono e não pontuou. No pelotão da frente, Barrichello brigava segundo por segundo com Hamilton pela primeira posição. Os dois pilotos trocavam voltas rápidas, mas o inglês conseguiu manter uma diferença de quatro segundos até a segunda parada. A McLaren era uma das equipes que pouco erraram em estratégia no campeonato, mas em Valência a história foi diferente. O time antecipou a parada de Hamilton, mas os mecânicos não estavam preparados e esqueceram o jogo de pneus dianteiro. O inglês perdeu cerca de cinco segundos nos boxes, o que deu a Barrichello a chance de fazer a sua para e voltar na liderança da prova. Com pneus macios, a Brawn, de Barrichello, conseguiu manter regularidade no tempo das voltas. Assim, Rubinho não perdeu vantagem para Hamilton e conduziu o carro para a sua primeira vitória na temporada.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23/08/2009 em CLIPPING, Esportes.

 

VERGONHA. Terminou em Pizza !!!

vergonhasenado19/08/2009 – 15h35

Conselho de Ética arquiva definitivamente todas as acusações contra Sarney

Claudia Andrade
Do UOL Notícias
Em Brasília .

Atualizado às 15h46

O Conselho de Ética do Senado arquivou nesta quarta-feira (19) todas as acusações contra o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP). As denúncias foram arquivados por nove votos a favor e seis contrários à abertura de processo. Seis foram as denúncias analisadas em bloco pelos membros do colegiado. Quatro foram apresentadas pelo líder tucano Arthur Virgílio (AM) e duas em conjunto por Virgílio e Cristovam Buarque (PDT-DF). As representações foram cinco: três protocoladas pelo PSDB e duas pelo PSOL. O colegiado ainda avaliará uma acusação apresentada pelo PMDB contra o líder tucano Arthur Virgílio. Votaram a favor da abertura de processo os seguintes senadores: Demóstenes Torres (DEM-GO), Eliseu Resende (DEM-MG), Marisa Serrano (PSDB-MS), Sérgio Guerra (PSDB-PE), Rosalba Ciarlini (DEM-RN), Jefferson Praia (PDT-AM). Votaram contra a investigação: Wellington Salgado (PMDB-MG), Almeida Lima (PMDB-SE), Gilvam Borges (PMDB-AP), Inácio Arruda (PCdoB-CE), o vice-presidente do conselho, Gim Argello (PTB-DF), o corregedor Romeu Tuma (PTB-SP). Três petistas também foram contra as acusações: o titular João Pedro (AM) e os suplentes Delcídio Amaral (MS) e Ideli Salvatti (SC). A oposição já se prepara para apresentar recurso ao plenário do Senado, em uma nova tentativa de forçar a investigação das acusações contra Sarney. As votações se repetiram tanto na análise em bloco das denúncias como na avaliação das representações. O presidente do conselho, senador Paulo Duque (PMDB-RJ) só votaria em caso de empate. O petista Eduardo Suplicy (SP) não votou, por ser o terceiro suplente do partido, mas deixou registrado que votaria a favor da investigação. As denúncias têm um peso menor em relação às representações, apresentadas por partidos e que podem resultar em cassação. O caminho até a perda de mandato, no caso de uma denúncia, é mais longo. Durante a sessão, foi lida no plenário do conselho uma carta do presidente nacional do PT, Ricardo Berzoini, com a orientação para que todos os integrantes do partido votassem pelo arquivamento das representações, por achar que o conselho “não tem condições para encaminhar uma investigação isenta e equilibrada”. O senador Demóstenes Torres (DEM-GO) criticou a carta do PT. “Essa nota é deplorável em todos os aspectos. Hoje o PT tem um discurso que se dissocia totalmente da prática. Deixou de ser um partido dialético para ser ‘duolético’. Perdeu sua identidade e muda de posição toda hora”. A oposição recorreu de todos os arquivamentos de pedidos de investigação contra Sarney e passou a trabalhar em busca dos votos do PT, que seriam decisivos na tentativa de desarquivar as acusações. A disputa interna no PT teria feito o líder do partido no Senado, Aloizio Mercadante (SP), a cogitar colocar sua liderança à disposição. Ele estaria sendo pressionado por aliados para substituir os petistas que fazem parte do conselho, o que aumentaria a ‘blindagem’ ao presidente Sarney.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19/08/2009 em CLIPPING, Política

 

GRIPE H1N1.

gripe-suina218/08/09 – 19h48 – Atualizado em 18/08/09 – 20h36

Mortes por nova gripe chegam a 368, diz Ministério da Saúde

Do G1, em Brasília

Do total de óbitos, 50% tinham algum fato de risco. Países do hemisfério sul são mais afetados por causa do inverno. O Ministério da Saúde informou nesta terça-feira (18) que o Brasil tem 368 mortes pela Influenza A. Os números se referem a casos registrados até o dia 15 de agosto. De acordo com o ministério, do total de pessoas que morreram, 185 tinham algum fator de risco, incluindo a gestação, o que representa 50,3%. Além disso, dentre os mortos, 46 eram mulheres grávidas(12,5%). Os principais fatores de risco para o agravamento da doença, de acordo com o boletim, são problemas metabólicas e respiratórios, cardiopatias crônicas, hipertensão arterial e imunodepressão, além de gestação. Segundo o ministério, de 25 de abril a 15 de agosto, foram registrados 20, 82 mil casos graves ocasionados por gripe, a maior parte (58%) em mulheres. Entre esses, 83% se desenvolveram a partir do novo vírus. Dentre os pacientes que sofreram complicações, 42,4% possuiam pelo menos um fator de risco. O ministério informou também que a taxa de mortalidade dos casos graves confirmados para o novo vírus no Brasil é de 0,19 óbitos por 100 mil habitantes. Ainda de acordo com o boletim divulgado nesta terça, os países do hemisfério sul, que estão no inverno, continuam registrando aumento no número de casos de mortes pela nova gripe, ao contrário dos países que estão no verão. Em clima frio, a transmissão do vírus é mais acelerada.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 18/08/2009 em CLIPPING

 

FORA SARNEY !

xosarney2Por Bruno Lousada, Agencia Estado, Atualizado: 15/8/2009 18:22

Protesto contra Sarney reúne 200 pessoas no Rio

Cerca de 200 pessoas fizeram na tarde deste sábado um protesto contra a permanência de José Sarney (PMDB-AP) na presidência do Senado. Eles percorreram a orla da Praia de Copacabana do Posto 6 até o Hotel Copacabana Palace, exibindo cartazes com inscrições como “Fora Sarney”, “Lugar de corrupto é na cadeia” e “Pena de morte para os ladrões”. Muitos usaram nariz de palhaço, máscara para evitar gripe suína com os dizeres “Fora Sarney” e carregaram caixas de pizza. O grupo fez ainda um minuto de silêncio e cantou duas vezes o Hino Nacional durante a manifestação, que teve três horas de duração. “O que queremos pedir, além da renúncia do Sarney e o fim da palhaçada no Senado, é que as pessoas acordem, façam alguma coisa para mudar isso. Não podemos nos acomodar”, disse Felipe Prudêncio, um dos organizadores do protesto.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16/08/2009 em CLIPPING, Política

 

NOVOS ATOS SECRETOS.

Haroldo Tajra13/08/09 – 20h22 – Atualizado em 13/08/09 – 21h12

Dos novos atos secretos do Senado, 441 são de demissão ou nomeação

Relatório de 11 páginas mostra que atos também alteraram cargos. Jornal da Globo revelou a existência de outros 468 atos não publicados.

Robson Bonin Do G1, em Brasília

O relatório com a nova leva de 468 atos secretos revela que a grande maioria das medidas não publicadas foi utilizada para nomear, demitir e transferir servidores do Senado. O G1 teve acesso às 11 páginas do documento em que constam 441 atos relativos a pessoal –94% do total agora descoberto. Os outros 27 atos restantes tratam de questões diversas. Segundo o relatório, seis medidas não publicadas foram utilizadas para “alterar cargos” nos setores de telefonia, serviço médico, segurança, comunicação, biblioteca e no Sistema Integrado de Saúde (SIS). O relatório também mostra que dois atos foram utilizados para criar a diretoria do SIS e Telefonia. Um ato secreto modificou a estrutura de cargos da Taquigrafia, outro mexeu na rede organizacional do Prodasen (a secretaria de informática da Casa) e um terceiro tratou da folha de pagamentos da gráfica do Senado. Até o regulamento administrativo do Senado está entre as medidas não publicadas reunidas no relatório. Ainda segundo o documento, o primeiro ato não publicado data de 11 de agosto de 1995. O último foi registrado em 30 de junho de 2001.Nesta quinta-feira (13), o diretor-geral do Senado, Haroldo Tajra(foto), disse que não há garantia de que todos os 468 atos são realmente secretos. Segundo o diretor-geral, há a possibilidade de que alguns atos tenham sido publicados no boletim impresso. De acordo com Tajra, cada ato será analisado de maneira individual. Ele disse que a maior parte deve ser validada por se tratar de fatos públicos. Entre os atos, segundo o ex-diretor, estão os que autorizam a criação do Interlegis e a construção de um prédio de dois andares da Secretaria de Telecomunicações. “São dois prédios, não tem como dizer que isso é secreto. Houve problema na publicação.” O diretor-geral afirmou que será analisado de forma individualizada cada ato para detectar a existência de fraudes. Caso seja comprovado fraude em uma nomeação, por exemplo, a Casa poderá pedir o ressarcimento dos valores pagos aos servidores. Ele destacou, no entanto, que pelos atos serem antigos, pode haver prescrição de possíveis fraudes.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13/08/2009 em CLIPPING, Política

 

Influenza A ( H1N1)

PandemiaMinistério da Saúde confirma 2.959 casos e 96 mortes por gripe A; gestantes somam 14. Do UOL Notícias. Em São Paulo

O Ministério da Saúde confirmou nesta quarta-feira (5) 2.959 casos confirmados de influenza A (H1N1) informados pelas secretarias estaduais e municipais de saúde entre 25 de abril e 1 de agosto. As mortes computadas até 1 de julho já somam 96, de acordo com o último boletim. As mulheres representam 54,2% das mortes (52), sendo que 14 deles eram gestantes. Segundo o ministério, a gestação e as doenças cardíacas e neurológicas são os principais fatores de risco entre os casos graves. São 38 mortes em São Paulo, 28 no Rio Grande do Sul, 15 no Paraná, 14 no Rio de Janeiro e uma na Paraíba. Mortes informadas depois disso serão registradas na próxima nota. Das pessoas infectadas pelo novo vírus, 2.115 (71,5%) apresentaram sintomas leves e 844 (28,5%) tiveram febre, tosse e dificuldade respiratória — sintomas compatíveis com a definição de síndrome respiratória aguda grave (SRAG). A taxa de mortalidade da doença em relação ao número de casos graves, portanto, é de 11,4%. O Ministério da Saúde ressalta, no entanto, que o índice, de acordo com o novo protocolo, não é mais utilizado como parâmetro para monitorar a doença, porque casos leves não são mais notificados, exceto em surtos, por recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS). O boletim reforça que o grupo de risco da doença é formado por: gestantes, crianças com menos de 2 anos ou adultos com mais de 60, doentes que apresentem sistema imunológico debilitado, como pacientes com câncer e Aids, ou que tomem regularmente medicamentos que provoquem essa debilidade. Pessoas com doenças crônicas preexistentes, como problemas cardíacos (por exemplo, arritmias), pulmonares (por exemplo, bronquite e asma), renais (por exemplo, pessoas que fazem hemodiálise), e sanguíneos (por exemplo, anemia e hemofilia) ou tenham diabetes, hipertensão e obesidade mórbida também são mais suscetíveis.do UOL Notícias

 
Deixe um comentário

Publicado por em 06/08/2009 em CLIPPING

 
 
%d blogueiros gostam disto: